Planejamento estratégico

Não aprendemos a constituir escritórios de advocacia na faculdade. Também não imaginamos que um dia precisaríamos fazer planejamento estratégico ou algo do tipo para o nosso negócio. Nem sequer estávamos lembrados que nossos escritórios eram NEGÓCIOS! Existem diferentes modelos de negócios na advocacia ou escritório é tudo uma coisa só? Vamos conhecer uma metodologia inovadora nesse artigo?

 

São muitas perguntas e, antes que eu me esqueça, deixe eu me apresentar. Me chamo Luiza Assis, sou advogada e, assim como vocês, também jamais imaginei que um dia conheceria ou precisaria conhecer de gestão. Acontece que a gestão entrou na minha vida e eu me apaixonei por ela! Convido-o a se apaixonar junto comigo. Vamos?

 

Que tal conhecer uma metodologia inovadora, leve, criativa e prática para estruturação de modelo de negócios?

 

Teria muitas coisas apaixonantes para falar com você sobre gestão, mas hoje me aterei somente a uma: o Business Model Canvas (BMC) ou Canvas do Modelo de Negócios. Trata-se de uma metodologia inovadora interessante para estruturação de modelos de negócios, que eu utilizo muito nos escritórios dos nossos clientes e vejo resultados incríveis.

 

Com o Canvas conseguimos projetar o negócio no papel e, utilizando conceitos de neurociência, termos ideias brilhantes para serem incorporadas a ele.

 

O acesso fácil a informações, alterações de comportamento dos consumidores, globalização, as novidades tecnológicas e a velocidade das mudanças em todas as áreas do conhecimento exigem que os modelos de negócios se adequem às necessidades do mercado e mudem a todo momento.

 

É por isso que o Canvas foi tão bem aceito pelos empreendedores das mais diversas áreas, por ser uma ferramenta dinâmica e bem visual. Quem cria o seu negócio e acredita que ele permanecerá da mesma forma para sempre está precisando mudar seus conceitos.

 

Mas afinal, o que é o Business Model Canvas (BMC)? 

 

O BMC é o resultado dos estudos e experimentações de Alexander Osterwalder e Yves Pigneur. Transformado depois num livro bem bacana, o Business Model Generation. Trata-se de uma metodologia de gerenciamento estratégico realizada através de um mapa visual pré-formatado, que contém nove blocos das partes que compõem o negócio. Ele deve ser preenchido com post-its coloridos e pode ser compartilhado com toda a equipe para que o escritório seja construído ou recriado de forma colaborativa.

 

Nós advogados, que possuímos raízes fortes de tradicionalismo e apego ao formalismo, à primeira vista podemos até achar um pouco de inovação demais para o nosso modelo de negócio. Mas posso afirmar: trabalhar com o CANVAS pode te surpreender! Com o dia a dia atribulado, quase nunca paramos para pensar de forma estratégica o nosso escritório. Então, projetá-lo no papel nos proporciona pensar nos diferenciais que podemos ter e muitas ideias novas que podemos implementar para estarmos sempre um passo à frente dos concorrentes.

 

O quadro e seus respectivos blocos descrevem:

 

  • O QUÊ consiste o negócio (qual proposta de valor que ele oferece);

  • PARA QUEM ele se destinará (como será feito o relacionamento de clientes, quais os segmentos de mercado a serem atingidos e como os serviços ou produtos serão entregues através dos seus canais);

  • COMO será realizado (quais os possíveis parceiros envolvidos, quais as atividades chaves e recursos chaves que ele terá para efetivar a sua proposta de valor); e

  • QUANTO custará a sua estrutura de custo e quais serão as suas fontes de receita.

 

Quer descobrir outras dicas de inovação? Acesse nosso artigo sobre fundamentos de sucesso para o seu escritório de advocacia! 

 

O BMC serve mesmo para os escritórios de advocacia? 

 

Diferentemente do que muitos pensam, os escritórios de advocacia possuem a mesma lógica de criação de qualquer empresa ou startup, por isso que o Canvas serve também para os negócios na advocacia. Essa ferramenta tem a vantagem de proporcionar uma visão sistêmica do escritório, compreendendo cada uma das suas partes e como elas se interconectam. Além de ser simples, de fácil aplicação e muito visual, ajuda a engajar toda a equipe, fazendo com que todos participem e contribuam com as suas ideias para a alavancagem da banca. Não é maravilhoso ver a sua ideia saindo do papel e se concretizando na prática? Certamente!

 

Observe que um escritório focado no direito previdenciário, será totalmente diferente de um escritório empresarial. Que por sua vez será bem distinto de um escritório de volume ou de uma banca altamente especializada na produção de teses jurídicas e pareceres. Os segmentos de mercado são diferentes. A forma de se relacionar com os clientes, a estrutura física, as especialidades da equipe, os parceiros, a forma de arrecadação de receita e a estrutura de custo também são. Ou seja, cada modelo de escritório possui suas peculiaridades e isso é que torna a nossa profissão tão interessante.

 

E confira também nosso talk de gestão legal sobre relacionamento com o cliente!

 

Espero que esse artigo tenha aguçado a sua curiosidade e te estimulado a construir o Canvas do seu escritório. Compre os seus post-its coloridos, imprima o seu quadro, se reúna com sua equipe e mão à obra! Caso precise de ajuda e também de boas ideias, nos convide a trabalhar o Canvas aí com você! Teremos o maior prazer de construirmos juntos sua nova história!

 

REFERÊNCIAS

OSTERWALDER, A.; PIGNEUR, Y. Business Model Generation – inovação em modelos de negócios: um manual para visionários, inovadores e revolucionários. Alta Books, 2011.

 

 

 

AUTORA

Luiza Assis é mentora de Planejamento Estratégico da ÉOS Inovação na Advocacia. Advogada, Pós-graduada em Direito Corporativo pela Universidade Positivo/Paraná. Consultora especializada em Gestão de escritórios de advocacia e departamentos jurídicos. Com atuação nos pilares de Pessoas, Societário e Planejamento Estratégico. Professora, palestrante e autora de diversos artigos na área de Gestão Legal.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment